out 03, 2015 | Por Mandy em Estilo

VISITANDO O ARQUIVO DA COACH EM NY!

Quem acompanha o blog há mais tempo sabe que a gente tem uma relação super bacana com a Coach. Lembro que em 2011 (!) eu fiz um post falando sobre o reposicionamento da marca e a volta dos modelos tradicionais, criados por Bonnie Cashin lá nos anos 60 e 70. Então, imaginem como fiquei super contente com o convite da marca para ir visitar o arquivo deles, uma espécie de museu da Coach que fica dentro do mega escritório aqui em NY!

Mas vamos começar com um pouco da história da marca?!

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-york

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-yorkprimeira loja da Coach, aberta em 1981 na Madison Ave

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-york

A Coach foi criada em 1941 e funcionava em um pequeno estúdio na 34th St., onde apenas 6 pessoas (todas da mesma família), fabricavam os produtos, que eram apenas masculinos naquela época e todos feitos à mão com couro de luva de baseball, Glove Tanned Cowhide, que passou a ser a base de todos os produtos da marca. As técnicas usadas para fabricar essas peças foram passadas de geração pra geração, mesmo depois que a Coach passou a ser comandada por um casal que possuía uma fábrica de artigos de couro.

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-york

Aí, em 1961, Bonnie Cashin entra na marca como diretora criativa e lança também produtos femininos. Ela ficou nesse cargo até 1974 e praticamente definiu a “cara” da Coach. Vários modelos criados por ela poderiam facilmente ser visto hoje em uma das lojas. Ela que introduziu os bolsos multifuncionais, o fecho, as combinações inusitadas de cores, o acabamento em couro, que muitas vezes era feito em outra cor, adicionando valor estético, além do funcional.

Bom, no arquivo tem muitas, muitas, muitas bolsas, como vocês podem imaginar, rs… Tudo organizado por década. Além de ser uma maneira de manter a tradição da marca viva, também é uma ótima forma de treinar novos funcionários, mostrando a história da Coach.

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-york

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-yorkOs primeiros catálogos, feitos por Bonnie Cashin

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-york

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-yorkAs gavetas guardam os modelos flats

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-york

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-york1940, início da marca e apenas produtos masculinos

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-york1960

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-york1960

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-york1970, super atual, né?

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-yorkEm 1970 a história da marca começou a ser gravada
no bolso interno de todas as bolsas!

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-yorkTambém em 1970 foi lançado o tag em couro com a logo, usado até hoje

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-york1980 e 1990

arquivo-coach-bolsa-ny-nyc-moda-historia-marca-nova-york-new-york

Quem não lembra? rs… A fase dos anos 2000. Provavelmente foi ali que todo mundo do Brasil começou a conhecer a marca. O Reed Krakoff já era o diretor criativo e ele foi o responsável por tornar a marca, já tradicional nos EUA, conhecida no mundo todo.

Aí, em 2011 (quando fiz aquele post, rs) a Coach resgatou modelos antigos na linha chamada “Coach Classics” para celebrar os 70 anos da marca e acho que foi ali quando tudo mudou. É inegável o quanto a marca vem crescendo nos últimos anos e se tornando objeto de desejo possível para muitas meninas que sempre quiseram ter uma bolsa com um design legal, de uma marca tradicional e com um preço não tão alto quanto os das marcas de luxo. Já falei aqui algumas vezes sobre o tal do “Affordable Luxury” e a Coach vem fazendo esse trabalho muitíssimo bem, sempre se reinventando.

A saída do Reed Krakoff para a entrada de Stuart Vevers em 2014 também foi outro marco. A mudança é notável. A marca está bem mais jovem. Teve Chloe Moretz como garota propaganda, fez parceria com Gary Baseman, fez seu primeiro desfile na NYFW, lançou linha de roupas e se jogou das estampas. E tudo isso sem perder a essência da marca. Mesmo com todas essas mudanças, dá para enxergar a origem e a tradição da Coach nas peças.

Obrigada pelo convite, Coach, adorei conhecer um pouco mais sobre a marca! ♥

Gostaram?

Beijos,
Mandy

Você também pode gostar
Comentários
  1. Martha • out 04, 2015 - 18:58

    Amei! As bolsas da Coach são lindas, tenho muita vontade de ter uma!

    • Mandy e Gabi • out 06, 2015 - 15:47

      São lindas, né?! Eu amo!! Sabia que o preço de umas no brasil são iguais ou menores que os de lá de fora?!
      Beijos!!
      Mandy

  2. Livia Santana • out 06, 2015 - 15:41

    que incrivel, mandy! nem sabia que exista isso.. qlq pessoa pode visitar?!?
    bjuss

    • Mandy e Gabi • out 06, 2015 - 15:46

      Oi Livia! Não, acho que é só para funcionários e algumas visitas que o pessoal do PR de lá leva, não é aberto :(
      Mas muito legal, né? Amei ver tudo de perto!
      Beijoss,
      Mandy

Voltar para o topo!